Sou um corno feliz

Sou um corno feliz

Somos um casal maduros e brancos , com 43 anos. Ela tem seios pequenos durinho rosados, coxas grossas , bunda grande olhos verdes, cabelos curtos e loira .

Nossa primeira experiência foi com um jovem negro de 25 anos que mora numa cidade vizinha. Conhecemos ele no site, ele tem o perfil que minha esposa gosta…. negro dotado e encorpado bom de papo bem agradável.

Depois de um tempo conversando pelas redes sociais tivemos coragem de marcar um encontro. Combinamos de nós encontramos enfrente ao shopping da minha cidade.

Como era nossa primeira vez decidimos procurar deixa tudo perfeito e tranquilo. Eu comprei camisinha, gel lubrificante e perfume lengerie pra ela.

Minha esposa estava um pouco ansiosa e excitada. Eu muito excitado pois gostaria de ver minha esposa sendo fudida por um caralhão.

No horário marcado chegamos de carro enfrente ao shopping e lá estava o futuro amante da minha mulher, vestido de bermuda e tênis com camisa cinza, buzinei e ele veio entrou no banco de trás do carro e enquanto íamos para o hotel fomos se cumprimentando .

Havia uma certo nervosismo pois tanto pra nós quanto pra ele era tudo uma novidade, então pra quebrar aquele clima comecei a pergunta se ele gostou da minha esposa. Ele respondeu que adoro eu disse que se ele gostaria de alisar os seios dela , ele estava no banco de trás ela estava comigo no banco da frente enquanto eu dirigia em direção ao hotel.

Ele ia acariciando o peito dela, pedir pra ela da um beijo na boca dele, então se beijaram. Isso foi transformando o ambiente ansioso em prazeroso.

Pedi pra ele por o pau pra fora da bermuda e ele pois, então falei pra ela segurar, ela obedeceu e alisava o piru dele e olhava pra mim com sorriso de satisfação.

No hotel com minha putinha me fazendo o corno mais feliz
Chegando no guichê do hotel foi meio constrangedor para mim pois atendente viu 3 três pessoas no carro , não só eu mais nós três estávamos vivendo sentimentos novos por ser nossa primeira vez.

Escolhi uma suíte com tudo que tem direito hidro pole dance sauna etc… Então parei o carro na garagem e saímos
Dei a chave do quarto pra eles indo na frente porque ainda iria pegar umas coisas no carro. Ela foi na frente subindo a escada e ele atrás alisava sua bunda grande. Entramos no quarto e enquanto fui no banheiro colocar algumas coisas quando voltei já vi os dois se beijando e se acariciando.

Falei para o cara ficar a vontade pra não se preocupar comigo pois eu só ia filmar e tira fotos deles pois queria guardar aquele momento.

Ele alisava sua bunda, apertada seus seios, se beijavam com muita vontade. Ele então foi tirando sua blusa e sua calça legging, deixando ela de salto alto e lengerie. Ele tirou sua camisa e ficou só de sunga box. Me aproximei e comecei a beija-la tbm enquanto beijava boca dela, ele ia soltando o sutiã, deixando a mostrar aquele seios rosados e bicudos.

Sai de perto deixei os dois. Ele deitou ela na cama beijava o corpo dela e então ele começou a tirar a calcinha, deixando a mostrar a buceta depilada e bem grande da minha esposa puta. Abriu as suas pernas e começou a chupa sua buceta com muita vontade, ela gemia e dizia: ” Nossa que boca ”

Enquanto chupava ele ainda alisava seu seios. Depois desse banho de língua ele a pois sentada na beira da cama e arriou sua sunga, ela bateu o olho e gamou na hora pois era do jeito que queria… Grande e grosso

Eu fiquei impressionado com o tamanho do pau dele, pensei comigo” isso aí só vai caber na buceta e olhe lá “.
Mas eu tenho uma esposa gulosa que partiu com a boca aberta pra cima daquela rola monstruosa e chupava, lambia, brincando com as bolas dele.

De repente ele levanta ela e pergunta se ela quer primeiro de quatro ou de frente, ela respondeu que tanto faz. Então ele deitou ela na cama de pernas abertas e pois a camisinha, apontou a cabeça do pau na porta da buceta e entrou com carinho e muita vontade, socando com força ela gemia alto, pois ela é bem escandalosa.

A puta olhou pra mim e perguntou se eu tava gostando de ver um outro homem fudendo ela, eu disse que sim.
Foi uma sensação estranha por um momento de ver minha esposa amada sendo comida por outro mas passou logo pois tudo que nos queríamos a tempo estava acontecendo de uma forma bem legal pra todos.

Aí veio o primeiro gozo dele enchendo a camisinha de porra. Mas ele mesmo com a camisinha cheia de porra ele continuava botando forte. Até que tirou da buceta e ele foi se lavar , reparei que a xota da minha mulher tinha um pouco de sangue e era porque nunca ela deu pra um cara com o pau daquele tamanho.

Foram pra o box e tomaram um banho e não perderam tempo, o piru dele não amoleceu continuava duro. Ele então a pois na beirada da cama e meteu na buceta de novo

Ele tava em pé enquanto metia nela, ela gemia muito pedia cada vez mais. Aí nesse momento ele tirou da sua buceta e eu percebi que ele ia por no cu dela, então fui e peguei o gel lubrificante e dei pra ele passar no pau dele e no cu dela. Isso ele fez e apontando o pau no cuzinho dela foi forçando, ela então pediu pra ir devagar pois não era prostituta e experiente .

Ele tirou e pois de novo, ela estava mais relaxada e quando vi já tinha entrado a metade. Ela estava de frente com as pernas abertas e ele em pé. Ela já acostumada com o tamanho do pau dele no cu.

Gemia gostoso então ele a pois de quatro na cama e eu fui fazer um 69 com ela e ele começou a botar no cuzinho dela mas sem camisinha pois nós queríamos que ele gozasse dentro do rabo dela e foi o que ele fez depois de várias estocadas fortes ele encheu sua bunda de leite que escória depois que ele tirou do cu dela.

Foi tomar banho enquanto eu chupava e lambia sua buceta carnuda, ficamos deitados na cama e conversamos um pouco até o pau dele ficar duro.

Ela não perdeu tempo e fez um boquete bem gostoso em nós dói. Ela então veio por cima dele e começou a cavalgar e eu colocava meu pau seu boca.

Depois eu pedi que ele sentasse na beirada da cama enquanto ela viesse com a bunda e sentasse no piru dele, sentada rebolando, ele então ficou em pé e comeu seu cu e buceta, rolou mais uma gozada.

E depois nos arrumamos para ir embora, tinha tido que deixaria ele em frente ao shopping onde nós encontramos. Saindo do hotel, eu e minha esposa puta na frente, ele atrás fomos conversando até que chegamos numa rua deserta e eu disse pra ela ir pra trás com ele, eu disse pra ela da uma mamada no pau dele, ele disse que não ia subir pois já tinha gozado bastante. Nesse momento ela deu um beijo no pau dele por cima da bermuda neste instante seu pau ficou ereto então ela foi e abocanhou seu caralho e chupou bastante.

Chegamos no shopping nós despedimos.

Tivemos mais outros três encontros inclusive na minha casa.

 

 

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.